Mensagens

71 ❀

Imagem
Quem me conhece sabe que gosto muito de  fotografia, mas nem sempre é possível encontrar ou tirar uma foto da minha autoria ou que eu apareça para colocar no blog. E quem me conhece também sabe que eu sou picuinhas com a qualidade e tamanho das fotografias. Quanto mais qualidade, melhor. Isto para vos dizer que, já fui uma blogger anónima e a pior coisa de sempre era encontrar boas fotos com qualidade. Antes não se ouvia falar em pinterest, era ir ao Google e escrever o que se queria encontrar ou então Tumblr. Entretanto, um dia lembrei-me que as melhores fotografias poderiam ser encontradas em sites de roupa que gosto, com as tendências que vão mudando, mas também com coisas que me identifico. E a partir dai a Zara, a Pull & Bear, a Springfield, a Bershka, a Stradivarius, a Women Secret, a Cortefiel e a Massimo Dutti passaram a ser os meus sites de eleição para encontrar fotografias para as minhas publicações :p
Kiss kiss, Catarina 

70 ❀

Imagem
Ontem, segunda-feira, estava eu a trabalhar e a pensar no que poderia publicar no blog. Isto de vir cá mais vezes começa a ser involuntário e tentar mudar um bocadinho o blog começa a ser inconsciente. Tanto que comecei a olhar para as minhas unhas e pensei "porque não?" e tirei-lhes uma fotografia. Sobre unhas, gosto muito de as pintar, mas desde o Natal que as tenho arranjado fora de casa, o que dá mais vontade e gosto de andar com elas arranjadinhas. Sei que os nudes estão muito na moda, mas eu não me sinto bem com essas cores nas unhas, se calhar pelo meu tom de pele. Sou fã de unhas escuras e esta é uma cor que nem sei definir. Para variar, não escolhi azul escuro, vermelho ou rosa. Escolhi uma cor que às vezes parece castanha, outras vezes cinza e ainda outras vezes preta. ahhhhhh e esta cor tem brilhantes, para variar um bocadinho. E sim, já se nota um bocadinho o crescimento e eu gosto delas bem curtas (quanto mais curtas melhor), mas infelizmente as minhas unhas cre…

69 ❀

Imagem
Compras na Ilha da Madeira VS Compras em Lisboa Ora bem, quando vou de férias, acabo sempre por ser consumista e isso tem acontecido nestes últimos três anos, quando fui à Alemanha e as várias vezes que também fui a Lisboa e ao Porto. Em 2017 fui três vezes ao Continente, mais concretamente a Lisboa e ao Porto, mas passeando por terras vizinhas também. Confesso que quando vou a Lisboa acabo por perder-me e rondo todos os outlets e mais alguns, para aproveitar as grandes marcas. Confesso não ser uma pessoa que liga muito a isso, mas há coisas que valem mesmo a pena. Se bem que eu consigo ser super hiper mega poupada e económica. A minha vontade de fazer compras quando vou de férias ou de marcar viagens de propósito para fazer compras, deve-se à infelicidade de na Ilha da Madeira não haver tanto poder de compra como em Lisboa ou no Porto. Eu aqui na minha Ilha, evito ao máximo comprar quer lá o que seja, primeiro porque sou muito de comparar preços e qualidades e opto sempre pelo que es…

68 ❀

Imagem
✿ ❀ Hello a todos ❀ ✿ Antes de mais, quero que saibam o quanto estou grata pelos bocadinhos que tenho cá vindo estes dias. Após dois anos, voltar a conseguir arranjar qualquer coisa para escrever, arranjar um bocadinho para ler as vossas publicações e ler os vossos comentários é muito bom. Entretanto, espero conseguir reformular um bocadinho um meu blog, mas sinceramente o tempo livre e a vontade de o fazer é bem pouco. Estes dias apercebi-me que muitas das pessoas que eu seguia já não existem aqui, por isso, se quiserem deixar nos comentários blogs e os respetivos links para eu cuscar e ir lendo e ir conhecendo blogs novos, eu estimava. Sem mais nada assim de especial para vos contar, mas uma palavra para vos dizer: O-B-R-I-G-A-D-A!
Resto de bom domingo para todos. With love, Catarina

67 ❀

Imagem
ESTIMEI
Segundo o dicionário da Língua Portuguesa Priberam: "estimar vem do latim aestimo, -are, ficar a preço ou o valor de, avaliar, apreciar, considerar. Ter em estima ou em estimação. Folgar com, sentir prazer por. = GOSTAR. Avaliar; ter em conta (...)." E é isso mesmo. Achava que esta palavra era do século passado. Se calhar por ouvir-se pouco. Mas, ultimamente, estimei, tem sido a minha palavra de eleição para mostrar o quando eu gosto mesmo de uma coisa, o quanto eu estou grata por algo que me aconteceu ou por alguém fazer-me ou dizer-me algo que estava mesmo a precisar. E por falar nisso, nunca pensei voltar a estimar cá estar, no meu cantinho e partilhar coisas minhas novamente no blog. With love, Catarina
ps. estimo tanto a sexta-feira :p

66 ❀

Imagem
Nível de ansiedade e nervosismo: 500%
100% - Por quarta-feira regressar às aulas de condução 100% - Por quinta-feira voltar a fazer o que fazia no teu trabalho, após oito meses a substituir uma colega de licença de maternidade, a fazer um trabalho completamente diferente 100% - Por não passar a tosse horrível e a semi constipação (porque não melhora, nem evolui) que tenho desde o ano passado 100% - Por nunca mais ser dia vinte de janeiro para ir passear à capital e aproveitar os saldos 100% - Por provavelmente ter exame de condução
500% desta ansiedade e nervosismo poderia dar um total de borbulhas na cara, principalmente a meio da testa, na ponta do nariz ou no queixo/buço (os lugares piores e mais expostos de sempre). Chorar rios e mares ou ter vontade de comer chocolates sem fim também poderiam ser boas hipóteses. Mas não, os meus "ritos" normais de ansiedade andam camuflados e eu consigo sempre surpreender-me e mostrar que sou capaz de encontrar novas formas de mostrar a mim m…

65 ❀

Imagem
"OMG"esta palavra e esta cara de espanto aconteceu literalmente ontem, quando liguei o meu computador em vez de ir dormir nos meus tempos livres. Porque é o que mais gostas de fazer nos tempos livres. Isto porque na barra dos favoritos do Google Chrome havia uma palavrinha que dizia "Feelings..." e dai o meu espanto, porque desde que comecei a trabalhar e a passar oito horas à frente de um computador que não tenho pachorra de ligar o meu computador em casa. Portanto já há quase dois anos que não faço uma publicação e há mais de dois anos que não respondo a comentários. Eu publicava coisas a pensar que ia voltar cá, mas não e assim foi ficando o meu blog, um esquecimento. Ainda existem mais de cem comentários por ler e por confirmar. E o meu espanto foi olhar para o meu ambiente de trabalho e ver uma pasta com "BLOG", e as inúmeras ideias de publicações que eu tinha e os códigos HTML que queria experimentar neste meu refúgio. Mas bem, hoje venho só aqui di…